Primeira Consulta:
(11) 3040-8884
(11) 3040-8887
(11) 96172-9130
Arquitetura do Sorriso

Arquitetura do sorriso

A filosofia do Ateliê Oral é olhar a boca de fora para dentro. Esse conceito possibilita um diagnóstico preciso para cada paciente, pois a análise facial avalia a parte interna da boca e dos dentes para assegurar um resultado equilibrado e simétrico. Para nós, um sorriso vai muito além dos dentes, pois é construído com o empenho integral de nossa equipe de profissionais.

A) Análise Facial

O ponto de partida do Ateliê Oral para alcançar resultados naturais e personalizados de cada sorriso é esmiuçar traços faciais em vários ângulos. Por isso, contamos com um estúdio com os mais modernos equipamentos audiovisuais e de fotografia. Toda essa infraestrutura servirá para criarmos um book fotográfico de fotos clínicas que registrarão as formas que compõem o rosto como lábios, nariz e olhos em conjunto com a avaliação dos dentes e da gengiva para definir um sorriso único, respeitando as singularidades de cada pessoa.

O Ateliê Oral é pioneiro nesse tipo de análise facial e desde 1997 aprimora sua técnica para construir sorrisos mais saudáveis e bonitos com um olhar artesanal à harmonia estética de todos os elementos da face.

B) Transformação do Sorriso

O comprometimento com o sorriso é deixá-lo saudável. A partir do diagnóstico da análise facial e dos moldes em gesso da boca, é traçado um cronograma de tratamento personalizado. Antes de qualquer procedimento estético, a saúde bucal é o primeiro passo para um belo sorriso, por isso todos os problemas da boca e dos dentes são cuidados se alcançar um resultado seguro e eficiente.

C) Porcelanas

O Ateliê Oral começou a utilizar laminados de porcelana no final da década de 1990. Essa experiência nos últimos 27 anos é fruto da expertise de nossos profissionais que têm um olhar mais artesanal e preciso da durabilidade das porcelanas.

O cuidado na manutenção preventiva é fundamental para um sorriso saudável. Na limpeza, a raspagem é realizada com curetas delicadas em movimentos específicos para não danificar os laminados, de uma forma que a superfície da porcelana não fique porosa, pois fragiliza o material e facilita o surgimento de placas bacterianas. Todo o procedimento é feito com auxílio de microscópio operatório para maior visibilidade. Em casa o cliente precisa apenas seguir com rigor as orientações de escovação – incluindo uso diário de fio dental – e visitar o dentista de em média duas vezes por ano.