Em uma central de esterilização, são realizados cinco procedimentos sistemáticos de higienização de materiais, por meio de tecnologia e de produtos de ponta: pré-lavagem, lavagem, secagem, embalagem e esterilização.

Uma equipe atualizada e treinada, que passa por constantes cursos de reciclagem e de aprimoramento, segue as mais altas especificações exigidas pelos protocolos ISO 9002.

Mas a prevenção também está no topo das responsabilidades da Biossegurança.

Tudo começa pela boca do cliente, durante a consulta. Antes de qualquer procedimento, ele faz bochecho com uma solução antisséptica para diminuir o número de microorganismos que entrariam em contato com o material odontológico e com a equipe.

Após a consulta, toda a sala do dentista passa por um meticuloso processo de assepsia, que inclui os equipamentos usados no atendimento. Em seguida, tudo recebe uma proteção especial (espécie de revestimento) para evitar qualquer tipo de contato direto. Nem a cadeira do cliente escapa!

Os ambientes devidamente higienizados do Ateliê Oral possibilitam a segurança e, consequantemente, a tranquilidade que o cliente deseja de um serviço premium.